Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2014

Só Penso em Você

Às vezes penso em te dizer,
sem hesitar,
o que senti
sempre que posso, bem que sei
eu não consigo resistir
pensar no dia em que terei
você inteira só pra mim
Já é possível acreditar
mas isso já aconteceu?
desde quando te enxerguei
Nos seus braços se perdeu
mas nem de perto quem podia
quem iria imaginar
que beleza tão difícil
tão estranha de domar
existe algo que não sabe
mas quem sabe o que é amar
e hoje eu me sinto diferente
mesmo que eu possa confiar
em meu coração
pois não há momento em que eu pare
de pensar 
em uma solução
o bem que eu quis foi só você
isso irá me fazer bem
é tão simples perceber
que eu não penso em mais ninguém
esqueça as aparências
embora irão dizer
que o que parece importa mais
do que o ser pode parecer
 e eu só penso em você

Johnny.

Sorriso

Esse sorriso que me anima
Como promessa que me cerca
Essa notícia que me enlaça
Sem nada
Sem pressa
Que me mantém e me liberta
Pra longe de um deserto
Melhor que ouro ou prata
Um romance tão antigo
Que se sente tão recente
Tão profundo e tranquilo
Às vezes, fogo
Às vezes, água
E como chama que não queima
Sempre sentido como nunca
Nunca sentido como antes
E como ondas que fascinam
Vistas com um novo olhar
Verde rasteiro bem distante
Tão longe, tão distante
Tão distante e sempre a ponto de encantar
Terra que dá lastro
Ar que se aproxima e enche com amor este lugar
Eterno
Duradouro
Um segundo em mil anos
Suspiro que não cessa
Sempre é tempo de te amar

Centro Selvagem

Aquela brasa antiga colocava fogo em mim
Como um motor quente em velocidade máxima me enchendo de orgulho
Sua intensidade vermelha, vinda, de um centro ativo
Mesmo desligado, assim, nunca me deixou perdido
Como o som de um trovão que em seu maior movimento me deixou uma sensação
Tão selvagem e profunda dentro do meu peito como um ribombo
De um céu cinza e escuro, pesado e tão duro de evitar
Visto de uma ilha feita de verde e vida marrom
Você se sentiria segura sob o brilho de sua estrela
Amarela e clara, com um brilho que te faz chorar?
Você saberia o que vem da luz acesa pelo amor?
Você guardaria o presente que eu trouxe do céu pra você?

John Ny/João

Greed ( "sentimento")

"Greed" ( John Ny/João)

Em quase tudo o que se pense imaginar
Sua presença é grandemente sentida
Buscando um modo de esquecer
A vergonha que mancha o coração?
Olhos são apenas testemunhas
Agora que o desvalor se põe à medida
Quem deseja sentir diferente:
O ímpeto que trouxe o "orgulho"?
E que valor se atribui
Para uma mente em constante mudança?
Tesouro algum pode ofuscar
O "sentimento" que te põe no chão?
Sons vistos como piadas
Como se nada pudesse atingir
O vacilante coração em pedaços
Lançado às mudanças sentidas
Em "desequilíbrio" e anos de confusão

João Neto

Filho da Pátria

Filho da Pátria ( João/John Ny)

Roubaram o seu dinheiro e te chamam, ladrão

Foi deixado na jaula por causa do milhão

Acusações, bobagens, calma aí, irmão

Pilantra ou filho da pátria...opa! Conhecem seu coração

Se derramam aí

Quem vivem em diversão

E quem se vai pra bem longe e quem fica na mão?

Pilantra ou filho da pátria...conhecem teu coração?

Dizem que o céu é o caminho

E quem te acusa

em vão?

Que tripartite estranha

Quem te chama de cão?

Pilantra ou filho da pátria...

Pague pela transgressão

E ainda amargue

 Sua vida

Em solidão

Oceano Pacífico

Oceano Pacífico ( John Ny/João)

- Se é pura Paixão:

Tão linda aparência

Mas quem pôde avisar

de um profundo frio

Alguns ficam assim nessa imensidão

que agita tanto

você quer navegar em seu coração?

Que calafrio!

-Mas parece tão quente e fácil de ver

e sem aviso prévio nem vai parecer

que há tempos se afagam

Só que em comoção

Se não é feito de gelo e é difícil sentir

Se vá com cuidado pra não cair

e quem sabe enxergue

Que o bote é em vão

tantas jornadas, lugares

sem direção

tanta abordagem, viagem

tanta badalação

E não se afogue em lágrimas

Pois o mar sempre muda e irá sempre mudar

Nesse lindo oceano

Em que quer navegar

Senhor

Procuro pelo Senhor, já que fui tão malvado Cercado por seus filhos, não encontrei o caminho (Meu Senhor, Tu não me trarás de volta?)
Ainda existe algo a perder para o abandonado? Tenho medo da pergunta quando não estou "confortado" (Meu Senhor, Tu não me trarás de volta?)
Orações desesperançosas, eu me vejo de joelhos E agora que estou desespeardo, parece Senhor não me reconhecer Por favor, Tu me deixarás entrar?
Dizem que o senhor reconhece os verdadeiros sentimentos Muito antes de existirem Dizem que Secará os olhos daqueles que a vida faz chorar (Por favor Senhor, não me apoiará?)
Santos vestidos de branco apontam seus dedos contra mim Fazendo constantes sentimentos de culpa superarem meu amor por Ti Por favor, não me resgatará?
Perdoe os males causados por falta de auto controle Perdoe a ganância profunda que sinto tão fundo em meu peito Perdoe tudo que fiz de mal contra Teus filhos Perdoe Senhor, Por favor, Não me deixe partir
João

The Best Inside Someone´s Heart

Time´s flown slowly

And cold weather´s made its way

What has seen its own victory

No one knows


They shall ask you what you´ve dreamnt about

When you are on the corner of a street

Cause it is there where a great hero lives

Who is now on their feet

Looking for what´s been long lost

Far away, fighting for us

Leading us through a precious way?

A great man lived

A long time ago

Facing neverending feelings

So you would hear someone say

Love is back soon

Before days have gone past you hastily

Who is now on their feet

Looking for what´s been long lost

Far away, fighting for us

Leading us through a precious way?

A long-bearded man saw it

When a hell of a fight took place

Saying love should never wage a horrendous war

O Sol Bate

O Sol bate

Assim começa o dia
O sol bate
Mas eu me sinto bem

Lá no campo
Seguro a pá e espalho as sementes


Vai levar tempo
Serei paciente por determinação

O solo é árido, o caminho é largo
Mas eu vejo a sombra

E dou gargalhadas
pela frase alegre dos meus amigos

Que mantiveram a calma
Em uma viagem cansativa

Colhendo corações solitários
Naquele processo

Num dia ensolarado
Tão quente como este
Tão difícil quanto o meu

Sorriram de volta
Para algumas pessoas
Que passavam por alí

Como agradecimento
Por momentos de cultivo
Da alegria e felicidade

O sol nos bate forte
Mas nos sentimos bem

João

Countryboy

Countryboy

In a redneck's house
I watched my back
And prayed to God
I was going to be fine

They should be rich
And now it is my fault
The gold isn't theirs
So they cry

I was called weed
Just like in the Book
So don't give them guns
We will all be convicted to death

I managed to scape
Suspecting that
I would be shot point-blank

The glare in their eyes
Was self-evident

O man,
We could've made friends
Tomorrow never knows
Still I wave goodbye

A famous guy
Once praised the lord
And pleaded with Him
Have mercy on them

These men are just fine
I agree with you
No more words for now
Maybe I am a mad guy

What if I am wrong
And regret for good
What will I do
Rather than cry

Maybe I am a mad guy, eh
But don't get me wrong
Tearing up money
Is no business of mine

Joao