Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2012

Não é Preciso

Não é Preciso


Não é preciso ir embora
Traga contigo o pensamento
Pelas beiradas, algum pensar
Mantendo firme a consciência
Tal qual ferrugem, e não corrói
Como um escudo que preserve
Ganhe ganhando, ganhe perdendo
Reconquiste a tua essência
Excessos de um presente
Se lembre bem da alegria
Sem pressa, é primavera
Ainda há tempo, paciência
Se é infinito algum amor
De amor alguém conhece?
E se engana quem pensou
De ti roubaram a inocência
Pior se fique assim
Se de entendidos, todos se fazem 
Com rimas e lindos versos
Deixe pra outros o seu passado

  Johnny

Como o Luar

Como o luar você deixou uma sensação Doce e intensa e bela em meu coração Um aperto tão difícil de evitar Meu orgulho, amor, já teve hora pra acabar
Neste calor que me incendeia, agora espero Conto as horas invertendo os ponteiros E só meu tempo não tem hora pra acabar
Saudades de você que está tão perto E de segundo após segundo, estou incerto Meu coração não se cansa de afirmar: Que o meu orgulho logo irá passar
Não sei o que me impede de dizer Que quero tanto o que mais quero é só o que sei Esse fascínio que parece não ter fim Eu quero o amor, você, sempre perto de mim
Conto as horas invertendo os ponteiros Como num filme que começa pelo meio Neste enredo tão confuso pra quem lê Mas seu carinho eu que e quero, amor Você
Como o luar você deixou uma sensação Doce e intensa e bela em meu coração Um aperto tão difícil de evitar Meu orgulho, amor, já teve hora pra acabar
Johnny.

Tarde de domingo

Deitada em uma varanda  Como uma cena de amor Em uma tarde de domingo
Num dia de "Verão"
Seu olhar especial Ela encarava o céu azul
Que lindos olhos
Há muito tempo, que visão Com nuvens brancas dispersas pelo vento O sol veio aquecer seu " coração" Eu fiquei tonto 
Eu me vi tão "lento"
Sua beleza me deixou assim Eu quis que o sonho fosse eterno Meu tempo estava no fim E eu estava preso neste "inverno"
Da esperança a uma linda lembrança Para acender a chama solitária Tão profunda em meu coração Meu anjo "eterno"
Johnny.
Só Penso Em Você
Às vezes penso em te dizer,
sem hesitar,
o que senti
sempre que posso, bem que sei
eu não consigo resistir
pensar no dia em que terei
você inteira só pra mim
Já é possível acreditar
mas isso já aconteceu?
desde quando te enxerguei
Nos meus braços se perdeu
mas nem de perto quem podia
quem iria imaginar
que beleza tão difícil
tão estranha de domar
existe algo que não sabe
mas quem sabe o que é amar
e hoje eu me sinto diferente
mesmo que eu possa confiar
em meu coração
pois não há momento em que eu pare
de pensar 
em uma solução
o bem que eu quis foi só você
isso irá me fazer bem
é tão simples perceber
que eu não penso em mais ninguém
esqueça as aparências
embora irão dizer
que o que parece importa mais
do que o ser pode parecer
só penso em você

Johnny.

A Estrela

Se eu quiser ver a minha estrela Eu vou olhar para o meu céu
Pois no escuro eu fico triste
Tão triste

Então eu peço: brilhe aqui
Você é tão especial
Então eu peço: brilhe pra mim
Nada que sinto é casual

Eu não sou astro, eu não sou rei
E sem você, não sou ninguém
Então me escute mesmo de longe
O seu carinho é o meu lastro

Algo mudou bem de repente com minha percepção
Por isso eu peço seu calor pra aquecer meu coração
Sem você, o que eu farei
Sem você não sou ninguém

Então me aqueça mesmo de longe
Sozinho assim não me disfarço
Seu brilho é tanta tentação
Vem aquecer meu coração
Johnny.